Nossa visão e no que acreditamos

doutorespedra_juntos_simone_carlos
Hoje em dia, com o acesso fácil à informação, principalmente na internet, o médico deve sempre procurar se aprimorar em aplicar a melhor informação disponível de forma individualizada para cada paciente.

Entendemos o quanto é difícil para os pais receber a notícia que seu filho/a apresenta alguma anomalia no coração. É um sentimento de dúvida misturado com preocupação e tristeza que talvez, seja parcialmente confortado pela obtenção de informações. Por isso esperamos que este site também seja uma fonte de informação, com o objetivo de auxiliar e direcionar pais e familiares a conhecerem melhor os problemas que acometem o coração da criança, os possíveis tratamentos e a evolução das diferentes cardiopatias congênitas.

Sabendo da existência de diferentes anomalias congênitas do coração e das diversas maneiras de manifestação é que acreditamos que, sempre há uma saída terapêutica, por mais grave e complexa que seja a cardiopatia. Procuramos buscar uma opção de tratamento que alie menor agressividade e melhor eficácia, aplicada em um momento ideal.

Acreditamos que qualquer programa de tratamento deva ser humanizado e personalizado, respeitando as características biológicas, sociais, psíquicas e espirituais de cada paciente e sua família. Esperamos que as informações contidas neste site ajudem a orientar aqueles que estão em busca do melhor caminho para o tratamento de pacientes acometidos por cardiopatias congênitas.

Somos especialistas em:

  • Cardiologia Pediátrica

  • Cardiologia Intervencionista Pediátrica

  • Cardiopatias Congênitas

  • Ecocardiografia Pediátrica e Fetal

Conheça os doutores Pedra

“Deu tudo certo na cirurgia. Desde então, sinto que a doutora é uma segunda mãe pro meu filho e pra mim.”

— Eudeslene Costa (paciente)

Blog Doutores Pedra

Os doutores Pedra compartilham seu conhecimento e fornecem informações sobre doenças, tratamentos e outros grandes temas sobre cardiologia fetal e pediátrica.

O Dr. Carlos Pedra esclarece todas as dúvidas sobre o acidente vascular cerebral, que é…

1 em cada 100 bebês apresenta algum tipo de malformação no coração. A essas malformações…